quarta-feira, 1 de junho de 2016

Confira 10 ótimas atuações de Kate Winslet no cinema

Kate Winslet é uma das mais talentosas atrizes da nossa geração, não podemos discutir isso. Com um Oscar de melhor atriz pelo filme “O Leitor”, um Emmy, quatro Globos de Ouro, três BAFTA’s e um Grammy, isso fica ainda mais evidente. A questão é que Kate consegue transparecer ao espectador todo o sentimento presente na sua personagem, seja ela qual for.
kate winslet e leonardo dicaprio
“Eu sempre disse, que eu realmente acho, que atuar é 50% de habilidade e 50% de confiança.” – Kate Winslet
Kate Elizabeth Winslet nasceu em Reading no ano de 1975. Desde cedo teve influência da arte: sua família foi bastante ligada à atuação, seus pais Roger e Sally Winslet eram atores, enquanto seus avós Oliver e Linda Bridges administravam um teatro.

Aos 17 anos estreou no cinema vivendo a eterna Juliet Hulme, no filme Almas Gêmeas (Heavently Creatures) de 1994 dirigido por Peter Jackson. Sua força de vontade foi extremamente importante para entrar nessa indústria mas, desde então, sua carreira começou a decolar. Confira, então, as 10 melhores atuações de Kate que separamos.

Almas Gêmeas (1994) | Peter Jackson

Almas Gemeas 
Duas garotas tornam-se inseparáveis amigas e passam a viver um mundo cheio de fantasias criado por elas. Seus pais acabam separando-as, e as garotas decidem vingar-se, alimentando um plano para matá-los.

Razão e Sensibilidade (1995) | Ang Lee

Razao e Sensibilidade 
Duas irmãs se mudam para o campo após a morte do pai, e começam a passar dificuldades financeiras. Enquanto Elinor é bastante prática nos relacionamentos, Marianne se mostra frágil e sensível, em duas maneiras completamente diferentes de se descobrir o amor. Vencedor do Oscar de Melhor Roteiro Adaptado, foi indicado ainda em outras 6 categorias.

Titanic (1997) | James Cameron

Titanic 
Jovem aventureiro ganha passagem, em mesa de jogo, para a primeira viagem do transatlântico Titanic. No navio, apaixona-se por Rose Bukater (Kate Winslet), noiva de um homem rico e arrogante, com quem vive um amor proibido. Mas a viagem ganha contornos trágicos quando o navio se choca com um iceberg.

Iris (2001) | Richard Eyre

Iris 
A vida amorosa da novelista Iris Murdoch é contada a partir de duas épocas distintas: na sua juventude (Kate Winslet), quando conhece seu esposo, e na velhice (Judi Dench), quando já está sofrendo do mal de Alzheimer.

Brilho Eterno de uma Mente Sem Lembranças (2004) | Michel Gondry

brilho eterno 
Jim Carrey interpreta Joel, um homem magoado por sua namorada tê-lo deletado (literalmente) de sua memória. Inconformado, resolve retribuir na mesma moeda e procura o Doutor Howard Mierzwiak para passar pela mesma experiência. No decorrer da operação, Joel percebe que, na verdade, ele não quer excluir Clementine de sua vida, e sim manter bem viva em sua memória os momentos em que estiveram felizes. A partir de então, ele enfrenta uma incrível luta dentro de sua própria cabeça para que essas memórias continuem vivas dentro de si, em mais uma loucura sensível de Charlie Kaufman.

Pecados Íntimos (2006) | Todd Field

Pecados intimos 
Estamos em uma cidade suburbana onde um grupo de jovens casais passa seus dias absolutamente devotado ao sucesso de seus filhos – criados desde crianças para se transformarem em verdadeiros formandos de Harvard. Um mundo brilhante de filhos e pais perfeitos… pelo menos durante o dia. À noite, entre quatro paredes, tudo se transforma. E os papais e mamães perfeitos tentam escapar de suas rotinas nada excitantes recorrendo à pornografia na internet ou então a casos extraconjugais. E enquanto estes casais tentam recuperar em segredo a intensidade de seus dias de adolescência, suas vidas começam a se cruzar de maneira surpreendente e muito perigosa.

O Leitor (2008) | Stephen Daldry

O Leitor 
Hanna foi uma mulher solitária durante grande parte da vida. Quando se envolve amorosamente com o adolescente Michael não imagina que um caso de verão irá marcar suas vidas para sempre.

Foi Apenas um Sonho (2008) | Sam Mendes

Foi Apenas um Sonho 
Frank e April sempre se consideraram especiais, diferentes, prontos e dispostos a levar uma vida baseada em altos ideais. Assim, quando se mudam para o novo lar na Revolutionary Road, eles orgulhosamente declaram sua independência da inércia do subúrbio que os envolve e prometem jamais ficarem presos aos limites sociais de sua época. Mas mesmo com todo o seu charme, beleza e irreverência, os Wheeler se veem tornar exatamente o que não esperavam: um bom homem preso num trabalho de rotina e uma insatisfeita dona de casa sedenta por realização e paixão – uma família americana com sonhos perdidos, como outra qualquer.

Deus da Carnificina (2011) | Roman Polanski

Deus da Carnificina 
A trama acompanha um desentendimento entre crianças em um playground, seguido pela discussão entre os pais de dois garotos envolvidos. A conversa inicia de maneira cordial, mas transforma-se em um debate sobre temas polêmicos como racismo, homofobia e misoginia.

Steve Jobs (2015) | Danny Boyle

Steve Jobs 
Cinebiografia que acompanha a vida e o legado de Steve Jobs, inventor, empresário e magnata americano no setor da informática mas que não consegue lidar bem com as pessoas a sua volta, inclusive Lisa, sua filha não reconhecida.

Fonte: 1

Um comentário:

  1. Faltou a Kate no papel de Ofélia no Hamlet do Kenneth Branagh

    ResponderExcluir

Created By Sora Templates